SUS abre cadastro e convoca voluntários para ajudar nas enchentes do RS

Momento de unir forças! A Força Nacional do Sistema Único de Saúde (SUS) está com o cadastro aberto para voluntários interessados em ajudar as vítimas atingidas pelas enchentes no Rio Grande do Sul (RS).

Se você quer participar desta força-tarefa, pode se inscrever pelo formulário disponível em um formulário exclusivo, disponibilizado nesta terça-feira , 07.

Na listagem dos profissionais há assistente social, dentista, enfermeiro, farmacêutico, fisioterapeuta, médico, psicólogo, entre outros. Mas segundo o Mistério da Saúde, nesta situação de urgência profissionais de qualquer área podem se cadastrar. 

Estratégias de atuação

Conforme comunicado pela Secretaria Estadual da Saúde do RS, foi estabelecida a seguinte estratégia para a atuação da Força Nacional do SUS:

Serão enviadas equipes volantes, serviços médicos em helicópteros e atendimento nos hospitais de campanha.

Inicialmente, serão mobilizados 68 profissionais para essas atividades.

Assistência nas áreas mais afetadas 

As equipes volantes serão compostas por cinco grupos, cada um formado por dois enfermeiros e um médico, o que totaliza 15 profissionais.

A ideia é que a Secretaria Estadual da Saúde (SES) encaminhe essas equipes para as áreas mais afetadas.

Essas equipes podem levar mochilas com remédios e ajudar diretamente pessoas em situações mais críticas, como casos crônicos ou de acamados que estão ilhados.

Leia mais notícia boa 

Lula assina decreto que agiliza envio de verbas para o RSCaixa libera FGTS para vítimas da enchente no RS, veja como sacarExército resgata bebê do telhado de casa na enchente do RS; vídeo

Equipe com atendimento 24h 

Ainda segundo a Secretária, o serviço aeromédico, que realizará o socorro a pacientes por helicóptero, contará com 20 duplas compostas por médicos e enfermeiros, acompanhados pela tripulação.

Parte dos profissionais que compõem a Força Nacional do SUS será proveniente do Grupo Hospitalar Conceição (GHC), de Porto Alegre.

Uma equipe já está o no hospital de campanha montado em Canoas, com 13 profissionais e atendimento 24 horas por dia, em uma função semelhante à de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Podem ser chamados a qualquer momento 

É importante ressaltar que a Força Nacional do SUS tem cerca de 40 mil voluntários credenciados pelo Ministério da Saúde.

Conforme a demanda autorizada pelo Governo Federal, novos profissionais podem ser mobilizados a qualquer momento.

Então, o número de pessoas envolvidas pode mudar dependendo das necessidades emergenciais avaliadas diariamente.

Ficou interessado? Faça a sua inscrição clicando aqui.

Ajude o RS 

Quer contribuir para ajudar as famílias atingidas pelas enchentes no Rio Grande do Sul? Participe da nossa vaquinha e faça a diferença na vida dessas pessoas!

Cada doação é fundamental para fornecer apoio emergencial, como alimentos, água potável, produtos de higiene e abrigo temporário.

Sua contribuição pode trazer esperança e alívio para aqueles que mais precisam neste momento de crise. Junte-se a nós!

Mande sua contribuição pelo pix:

ajudars@sovaquinhaboa.com.br

Se preferir ajudar de outras formas acesse aqui o link da vaquinha.

A Secretaria Estadual da Saúde e o Ministério da Saúde discutiram as estratégias de atuação dos voluntários do Força Nacional do SUS – Foto: Divulgação/SES

* Todas as notícias são retiradas de fonte de sites conforme informado na última linha “apareceu primeiro em …”

Compartilhe esta postagem:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias
Previsão do Tempo
+27
°
C
+28°
+23°
Campos dos Goytacazes
Quinta-Feira, 01
Ver Previsão de 7 Dias
Categorias

Assine nossa newsletter

Queremos oferecer para os ouvintes a playlist das melhores músicas Pop Rock!

Iniciar Conversa
Oi, Seja bem vindo(a)!
Olááá! Obrigado por ouvir a Rádio Capital Fm !!!