Governo antecipa auxílios do Bolsa Família, Auxílio Gás e restituição do IR para vítimas do RS

O governo federal anunciou a antecipação de pagamentos dos auxílios Bolsa Família, Auxílio Gás, e da restituição do imposto de renda aos moradores do Rio Grande do Sul (RS), estado que enfrenta enchentes históricas.

Outras ações como facilitação de crédito para famílias, empresas e pequenos agricultores, além de apoio financeiro para reconstrução da infraestrutura e da economia também foram apresentadas.

Em coletiva no Palácio do Planalto, Lula disse que o governo está empenhado para que nenhuma burocracia atrapalhe a urgência das ações e que essas são apenas as primeiras medidas anunciadas. “Isso não termina aqui”, afirmou.

Total de recursos 

Segundo o governo, inicialmente deve chegar ao estado gaúcho um total de R$ 50 bilhões.

O ministro Fernando Haddad reforçou que esses recursos não serão retirados de outras regiões do país e não prejudicarão o orçamento para ações nos outros.

As ações foram anunciadas por meio de uma medida provisória assinada por Lula, que será encaminhada ao Congresso Nacional para aprovação.

Benefícios aos trabalhadores assalariados

Neste mês de maio, trabalhadores assalariados serão beneficiados com a antecipação do abono salarial. Serão R$ 758 milhões distribuídos entre 705 mil pessoas com carteira assinada.

Os desempregados que já recebiam seguro-desemprego antes da calamidade terão direito a duas parcelas extras.

Já o pagamento da restituição do Imposto de Renda será feito até junho para até 1,6 milhão de pessoas.

Ações para a infraestrutura 

Serão destinados R$ 200 milhões para apoiar e financiar projetos de reconstrução de infraestrutura nos estados e municípios afetados, especialmente em pontes, viadutos e estradas.

Uma força-tarefa do governo também pretende agilizar a análise de crédito com aval da União para 14 municípios do Rio Grande do Sul.

As cidades possuem operações de crédito em andamento no valor total de R$ 1,8 bilhão, divididas entre operações externas e internas.

Leia mais notícia boa 

Lula assina decreto que agiliza envio de verbas para o RSCaixa libera FGTS para vítimas da enchente no RS, veja como sacarReceita prorroga prazo de entrega de IR para municípios atingidos pela chuva no RS

Empresas 

Para empresas, o governo pretende injetar R$ 4,5 bilhões no Fundo Garantidor de Operações para liberar até R$ 30 bilhões em empréstimos pelo Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte. Também será enviado R$ 1 bilhão para desconto em juros.

Outros R$ 500 milhões irão para o Fundo Garantidor de Investimentos do BNDES, para conceder crédito de até R$ 5 bilhões a empresas no Programa Emergencial de Acesso ao Crédito.

Os bancos públicos, Banco do Brasil, Caixa e BNDES também anunciaram a suspensão do pagamento de dívidas e do FGTS por parte das empresas.

Os prazos de recolhimento de tributos federais e do Simples Nacional serão prorrogados por no mínimo três meses.

Para os produtores rurais 

Para empresas e produtores rurais, a apresentação da Certidão Negativa de Débitos será dispensada por seis meses, de maio a novembro, para facilitar o acesso ao crédito, contratações e renegociações em instituições financeiras públicas.

Além disso, produtores rurais terão à disposição R$ 1 bilhão para subvenção de juros no Pronaf e Pronamp, com desconto de juros em um limite global de crédito de R$ 4 bilhões.

Maior movimento de doações 

Ainda na coletiva, o ministro da Casa Civil, Rui Costa, destacou que a corrente de doações ao estado atinge níveis históricos na Defesa Civil nacional.

São aproximadamente 2 mil toneladas de doações já encaminhadas ou a caminho do Rio Grande do Sul. E isso seria só de entidades federais, como a Força Nacional e os Correios.

Nós do Só Notícia Boa e Só Vaquinha Boa, com o suporte do servidor público Kaká D’Avila, também entramos em uma força-tarefa para fornecer assistência às famílias afetadas.

Cada contribuição é valiosa e faz a diferença. Vamos nos unir nessa causa?

Mande sua contribuição pelo pix:

ajudars@sovaquinhaboa.com.br

Se preferir ajudar de outras formas, acesse aqui o link da vaquinha.

As medidas foram divulgadas em evento no Palácio do Planalto com presença do presidente Lula, vários ministros do governo e outras autoridades. – Foto: Ricardo Stuckert/PR

* Todas as notícias são retiradas de fonte de sites conforme informado na última linha “apareceu primeiro em …”

Compartilhe esta postagem:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Notícias
Previsão do Tempo
+27
°
C
+28°
+23°
Campos dos Goytacazes
Quinta-Feira, 01
Ver Previsão de 7 Dias
Categorias

Assine nossa newsletter

Queremos oferecer para os ouvintes a playlist das melhores músicas Pop Rock!

Iniciar Conversa
Oi, Seja bem vindo(a)!
Olááá! Obrigado por ouvir a Rádio Capital Fm !!!