Só os corruptos e os equivocados se posicionam contra a propriedade privada

Por Fernando da Silveira – Jornalista, advogado e professor universitário

“O comentarista econômico Carlos A. Sardenberg apontou a principal preocupação dos produtores rurais.” – Nelson Ramos Barretto.

Tomando conhecimento que certas pessoas lutam contra a propriedade rural, me deparei com o que nos disse o notável comentarista econômico Carlos A. Sardenberg, apontando “a principal preocupação dos produtores”. É que há pessoas que atacam os ruralistas como que ignorando que eles, em sua maioria, abominam o “Trabalho Escravo”. A nossa sorte é que Geraldo Alckmin será o Ministro da Indústria e do Comércio do nosso País, pois estou convencido de que os produtores rurais não ficarão mais abismados com o MST entendendo “que pode invadir qualquer fazenda produtiva”. É que certos membros do MST acham equivocadamente que os proprietários rurais não cumprem a função social da terra.

Daí os produtores rurais ficarem abismados com o MST entendendo que pode invadir qualquer fazenda produtiva. O MST (Movimento dos Trabalhadores sem Terra) me parece assim algo aberrante, porque se os seus componentes estão sem terra é porque se distanciaram da atividade rural como empregados ruralistas. Estou convencido de que pode até
haver nisto tudo uma ação comunista, aquela linha de conduta marxista afirmando que todo assalariado seria um escravo, por lhe ser roubado uma parte do seu trabalho. E isso estimulando muitas vezes a ação criminosa de certos empregados rurais querendo desmoralizar os bons patrões. Tudo
com o propósito de enriquecer, tomando dos proprietários as propriedades que eles como empregados trabalham. Admitiria tal violência se tratasse dos péssimos ruralistas.

Não foi sem razão, assim, que elites intelectuais e de grande fervor religioso, mesmo muitas delas não sendo proprietárias rurais, não deixaram de se empenhar na criação do órgão denominado TFP. Isso é, o aplaudido órgão cujo nome é “Tradição, Família e Propriedade”. Sendo bom lembrar que o referido órgão movido altruisticamente pela respeitabilíssima “Inspiração Católica Tradicionalista” é, na verdade, um
instrumento político da maior importância. Sobretudo, no que concerne à luta de classe que, por exemplo, no regime comunista levou à fome inúmeras pessoas. Sendo bom lembrarmos que Leão XIII já nos alertava que a miséria é uma consequência da abolição da propriedade privada. É que sem ela o entredevorar (devorar-se mutuamente) toma conta de certos seres humanos, que só pensam em enriquecer roubando os seus semelhantes.

O conteúdo dos artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores e não representam a opinião do J3News

O post Só os corruptos e os equivocados se posicionam contra a propriedade privada apareceu primeiro em Terceira Via.

* Todas as notícias são retiradas de fonte de sites conforme informado na última linha "apareceu primeiro em ..."

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

CONECTE-SE CONOSCO

Iniciar Conversa
Oi, Seja bem vindo(a)!
Olááá! Obrigado por ouvir a Rádio Capital Fm !!!