Defesa Civil em estágio de atenção para cotas dos rios Muriaé e Paraíba do Sul

A Secretaria de Defesa Civil segue em estágio de atenção em relação às cotas dos rios Muriaé e Paraíba do Sul nesta sexta-feira (13). Até o momento, não há previsão de chuvas fortes na região das montantes dos rios, que continuam baixando gradativamente em Campos. Em Três Vendas, a ação preventiva do órgão, em parceria com a Secretaria de Obras, conseguiu conter as águas do Muriaé e proteger a população da localidade. Na área urbana, na noite de segunda (12), junto com a Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social, foi prestada assistência aos moradores da Ilha do Cunha e Coroa e feito o tamponamento de bueiros e galerias para evitar alagamentos em ruas da cidade.

Em Três Vendas, o fechamento das “bocas” de duas galerias celulares sob a BR-356 (Campos-Itaperuna), em ações emergenciais realizadas na terça-feira (10) e quinta (12), impediu que as águas do rio Muriaé alagassem a localidade. Em uma galeria, foi colocada uma chapa de aço e pedras e, na outra, onde o material o aterramento está cedendo com a força da água, foram postos sacos de areia também com pedras. De acordo com a Defesa Civil, a situação foi estabilizada e a população, protegida.

Na quinta, quando o nível do Paraíba aumentava em uma taxa de 1cm/h, equipes também usaram sacos de areia para cobrir bueiros e galerias. O serviço foi realizado na avenida XV de Novembro, Francisco Lamego e bairros como o Parque Prazeres, Jardim Carioca e Presidente Vargas. A cota do rio continua baixando e, na última medição desta sexta, às 17h, o nível era de 10,17m. Os sacos de areia serão retirados nos próximos dias, para o caso de ocorrerem chuvas na cidade.

Na noite de quinta, a primeira-dama Tassiana Oliveira e assistentes sociais da Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social, com equipes da Defesa Civil, visitaram as comunidades da Ilha do Cunha e Coroa, atingidas pela cheia do Paraíba. Na ocasião, três famílias foram encaminhadas para abrigos do município e outras 25 foram para casa de parentes. Nesta sexta, com a queda do nível do rio e as águas baixando nas comunidades, alguns moradores retornaram às casas. Segundo a Defesa Civil, quatro moradores da Coroa e nove da Ilha do Cunha foram encaminhados para abrigos institucionais e seis pessoas da Ilha do Cunha permaneceram na casa de familiares.

“O quadro ainda requer monitoramento, mas a tendência é que, por enquanto, os rios continuem baixando, pois não há previsão de chuvas nas cabeceiras do Muriaé e Paraíba do Sul. A Defesa Civil segue em estágio de atenção e pronta para atender às solicitações da população”, disse o subsecretário de Defesa Civil, Edison Pessanha.

O post Defesa Civil em estágio de atenção para cotas dos rios Muriaé e Paraíba do Sul apareceu primeiro em Terceira Via.

* Todas as notícias são retiradas de fonte de sites conforme informado na última linha "apareceu primeiro em ..."

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

CONECTE-SE CONOSCO

Iniciar Conversa
Oi, Seja bem vindo(a)!
Olááá! Obrigado por ouvir a Rádio Capital Fm !!!