Campos decreta situação de emergência em função das chuvas intensas

Chuvas trouxeram vários problemas como o rompimento do dique na Avenida XV de Novembro, na última segunda – foto: Carlos Grevi

O Município de Campos publicou em Suplemento do Diário Oficial desta sexta-feira (23) o Decreto de situação de emergência, em função dos impactos gerados pelas chuvas intensas dessa semana e os seus desdobramentos, como o desabamento parcial do dique de contenção do Rio Paraíba do Sul, no Centro da cidade.

O Decreto Nº 701 de 23 de Dezembro de 2022 se ampara em parecer técnico da Defesa Civil, que colheu e reuniu informações de diferentes secretarias e órgãos abrigados no Gabinete Municipal de Gerenciamento de Crise (GMGC), em trabalho que foi apresentado nesta sexta ao prefeito Wladimir Garotinho.

O prefeito Wladimir Garotinho assinalou: “Hoje participei de reunião do Gabinete de Gerenciamento de Crise para finalizar o levantamento dos danos causados pelas fortes chuvas, principalmente em relação ao dique que rompeu no Centro da cidade nesta semana”.

O texto publicado sustenta que o Decreto se faz necessário em face das fortes precipitações pluviométricas de 140,8 mm aferidos no pluviômetro da Defesa Civil municipal, que teve início às 20:30 do dia 19/12/2022, sendo que a média mensal é de 140 mm, com um acumulado este ano de 221 mm até a presente data.

Em função do intenso regime de chuvas, o Decreto relaciona que ocorreu alagamento, inundação, erosão de margem fluvial e outras consequências. Relata, ainda, a ocorrência de colapsos, como o desabamento parcial de um trecho do que dique que protege a margem direita do rio Paraíba do Sul.

O Decreto relaciona desalojados e mais de 200 mil afetados com desabastecimento de água potável devido ao rompimento de linhas adutoras na área danificada do dique e perda de utensílios pessoais e gêneros alimentícios nas áreas afetadas pelas inundações e/ou alagamentos.

E, continua o Decreto, observando a preocupação do Município com o dique de contenção do Rio Paraíba do Sul: “O dique de contenção, na Avenida XV de Novembro representa uma contingência contra as cheias do Rio Paraíba do Sul e no momento encontra-se seriamente avariado e em processo de colapso estrutural, sendo este a última barreira de preservação do município frente à inundação das águas do rio, haja visto que o centro da cidade se encontra abaixo do nível da calha média do rio”.

Foi observado pelo Decreto também o período sazonal de elevada precipitação pluviométrica nos limites municipais e nas cabeceiras dos afluentes do Rio Paraíba do Sul, em Minas Gerais e no Rio de Janeiro, lembrando que essa situação potencializa “grave risco de inundação em diversas áreas do município devido ao transbordo do referido rio”.

Leia também
Estado inicia contenção provisória do talude onde o dique desabou na XV de Novembro

Adutora afetada por queda de dique passa por reparos e abastecimento de água deve ser restabelecido na segunda

Vídeo: dique cede na XV de Novembro e carro cai no Rio Paraíba

Vídeo: dique cede na XV de Novembro e carro cai no Rio Paraíba

Abastecimento de água em Campos deve ser restabelecido por completo segunda-feira

O post Campos decreta situação de emergência em função das chuvas intensas apareceu primeiro em Terceira Via.

* Todas as notícias são retiradas de fonte de sites conforme informado na última linha "apareceu primeiro em ..."

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

CONECTE-SE CONOSCO

Iniciar Conversa
Oi, Seja bem vindo(a)!
Olááá! Obrigado por ouvir a Rádio Capital Fm !!!